sexta-feira, 8 de abril de 2016

Elucubrações sobre a religião em mundos de RPG

Independente de suas crenças ou visão sobre a religião no mundo real, não existe como negar que a religião foi uma força poderosíssima ao longo da história da humanidade. Organizações religiosas ajudaram a expandir e derrubar impérios, destruir ou disseminar ideias e influenciaram as mentes tanto de governantes como das pessoas comuns desde sempre até hoje. Em mundos de RPG, as religiões são igualmente importantes, elas ajudam a dar forma aos cenários além de serem elemento central na vida de muitos personagens. Entre os arquétipos clássicos da fantasia medieval, o clérigo, o paladino e o druida são, de uma forma ou de outra, sacerdotes. Mas, a religião dos mundos de RPG faz sentido? Podemos melhorar o modo como usamos essa ferramenta em nossos jogos de RPG?

O panteão grego - mesmo eles concordavam em alguma coisa!