sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Nefusa - a esfinge medusa!

Uma terrível combinação de medusa e esfinge, a nefusa é uma criatura misteriosa e terrivelmente perigosa, que guarda templos, tumbas e tesouros antigos e valiosos.

A Nefusa pode parecer tranquila, mas invade o templo dela pra você ver...

Fisicamente, a nefusa é uma leoa alada com o busto e a cabeça de uma mulher, mas não de uma mulher comum, de uma medusa! Com serpentes no lugar dos cabelos e um olhar petrificante. Quanto à personalidade, as nefusas são mulheres temperamentais e inteligentes, que gostam de enigmas e desafios. Mas principalmente de destruir aqueles que se opõe a elas.

Não se tem muita certeza da origem destas criaturas, mas o que consta nos tomos antigos é que elas não cão criaturas naturais, mas sim seres criados por magos, deuses ou sacerdotes para guardar locais ou itens de valor. O ritual consistiria em algum tipo de sacrifício que criaria um filhote de nefusa, que seria criada para devotar sua vida à guardar o item ou local.

Outra questão misteriosa é como estas criaturas permanecem séculos a fio cumprindo sua missão, alguns dizem que elas não envelhecem, nem podem morrer de doença ou inanição. Outros, que elas podem entrar num estado de dormência durante o qual não envelhecem, mas que acordam sempre que seus locais protegidos são invadidos... seja lá qual for a verdade, nunca se ouviu falar de uma nefusa que tenha sido surpreendida por invasores. Elas estão sempre prontas para combatê-los, e combatem ferozmente.

Nefusa – ND 7
Monstro 8 Grande (comprido).  
72 PVs. Deslocamento 12m, vôo 12m.
Iniciativa +14. BBA +8.
Sentidos: Percepção +13, visão no escuro, faro
CA 20 (+4 nível, +4 natural, +3 Des, -1 Tam)
Ataque corpo-a-corpo Patada +12 (+10/+10) 1d6+10
Fort +9 Reflx +9 Von +6
For 20 Des 16 Con 17 Int 15 Sab 15 Car 16
Talentos e perícias: Foco em Habilidade (olhar da medusa), ataques múltiplos, treino em perícia, investida aérea, rastrearB; Iniciativa +14, Percepção +13, Intuição +13, Enganação +13, Furtividade +18.
Ambiente: templos, tumbas e outros tipos de masmorras, geralmente em locais áridos ou desérticos.
Organização: geralmente solitária, ou comandando outras criaturas.
Tendência: quase sempre leal, geralmente neutra ou maligna.

Qualidades e Poderes Especiais
Faro: a nefusa recebe +4 em testes de sobrevivência para rastrear usando o olfato, ela também recebe o talento rastrear como um talento bônus.

Furtividade felina: A nefusa recebe um bônus racial de +4 em testes de furtividade.

Olhar da medusa (CD 19): qualquer um que olhe nos olhos da nefusa é petrificado, como se olhasse nos olhos de uma medusa. A cada rodada todos os personagens a até 9m da criatura devem fazer um teste de reflexos para evitar olhar nos olhos da criatura, falha provoca petrificação. Qualquer um a até 30m da nefusa que deliberadamente olhe nos olhos da criatura também é petrificado. O efeito não é dissipado com a morte da criatura, mas pode ser desfeito pela magia remover maldição.

Dilacerar: quando atinge um inimigo com duas patadas na mesma rodada (desde que não esteja em vôo), além do dano normal, a nefusa causa 2d6+10 de dano dilacerando seu inimigo com as patas traseiras.

Alarme da Guardiã: o local protegido por uma nefusa está permanentemente sob efeito de uma magia de Alarme, que avisa telepaticamente a nefusa de qualquer invasor. Uma nefusa que por qualquer motivo abandone seu posto e se estabeleça em outro lugar, transfere a magia de Alarme para a nova morada.

Usando a Nefusa em sua aventura
Precisa de algum monstro perigoso e "de efeito" para coloca no final de uma masmorra? A nefusa pode ser uma surpresa interessante para seus jogadores. Ela não encaixa muito bem como encontro aleatório, mas pode ter sido colocada em um templo, biblioteca ou tumba antiga para proteger o local. Você pode decidir se acha mais plausível que ela seja incrivelmente longeva, ou que ela permaneça numa espécie de animação suspensa enquanto aguarda invasores.

A motivação da criatura pode ser tão simples quanto "fui criada pelo deus/mago/clérigo XYZ para proteger o lugar e aqui estou".

Outro uso interessante para a nefusa é como comandante da masmorra, já que ela é inteligente e foi colocada no local, ela pode liderar a coisa. Os aventureiros podem ver a criatura várias vezes ao longo do dungeon crawl, disparando armadilhas, mandando monstros atacarem, e até atacando-os brevemente. Dessa forma o grupo vai ficando com raiva da maldita e o combate final pode ficar mais emocionante.

Mas lembre-se de colocar a nefusa em câmaras amplas!! Ou lugares abertos na entrada da masmorra ou templo. Ela voa! Se não tiver espaço para voar ela perde muito de seu desafio.

Notas de criação
Eu inventei esse bicho quanto tinha uns 12 anos! E nunca usei em nenhuma aventura até hoje!!! Nessa época eu estava descobrindo os RPGs, e queria muito criar novos monstros, novas raças, novos mundos... mas acho que no fundo eu não era tãaaaao criativo assim. De qualquer forma, eu acho que uma mistura de medusa com esfinge rende um monstro interessante, afinal é uma medusa voadora com patas de leão! Isso sim é uma puta falta de sacanagem!
Mesmo não sendo uma idéia exatamente original, a nefusa é interessante (ao meu ver) pois é ao mesmo tempo familiar e surpreendente. Por isso decidi trazer para vocês, e espero que seja útil em alguma aventura!

Bônus

Caso vocês não tenham notado, a nefusa possui o talento Investida Aérea, que não consta no Tormentão, mas existia no D&D 3.5, aqui vai então:

Iniciativa aérea [combate]
Pré-requisitos: deslocamento em vôo.
Benefício: em vôo, uma criatura pode realizar uma ação padrão no meio de uma ação de movimento, e depois continuar seu movimento.
Normal: normalmente uma criatura realizar uma ação padrão antes ou depois da ação de movimento.

Um comentário:

  1. Eu criava monstros da primeira a quinta série, antes de conhecer o RPG. Na verdade não eram exatamente monstros, mas Poketróides, pokemons criados por meus amigos e eu que eram capturados em pokesferas do dragão XD

    Ser muleque é a peste mesmo xD

    Naice stuff, btw!

    Cyaz

    ResponderExcluir